Vereadores questionam a falta de médicos e sugerem a reposição dos profissionais para atender a demanda

por ASCOM publicado 06/11/2019 17h09, última modificação 06/11/2019 17h09
Vereadores questionam a falta de médicos e sugerem a reposição dos profissionais para atender a demanda

Divulgação

Tendo em vista a grande procura por atendimento e a escassez de profissionais atuando, os vereadores Gilson Conte, Deonir Agazzi e Marilete Bortoli, encaminharam na sessão de ontem, indicação sugerindo ao Executivo a contratação de médicos para atendimento no Posto de Saúde. Conforme os vereadores proponentes, até pouco tempo, o município possuía três profissionais médicos ofertando atendimento, e que atualmente somente um está no exercício, pois os outros dois estão afastados dos serviços, sendo que pelo menos um deles é por tempo indeterminado.

Sendo assim, o profissional que continua atuando na Unidade de Saúde do Município está sobrecarregado, como também o Pronto Socorro do Hospital São Camilo, já que sem a oferta necessária de atendimento na Unidade  as consultas sobrecarregam o hospital

Conforme os vereadores, essa falta de profissionais gera também dificuldades de conseguir consultas por ordem de chegada ou mesmo por agendamento na unidade de saúde municipal, prejudicando o bom atendimento aos munícipes que necessitam dos serviços na área médica.

Considerando que a saúde é uma área de serviços básicos essenciais, importantíssima do município, e que devem ser oferecidos os serviços com a máxima organização, competência e brevidade, para suprir as necessidades

e para o bem estar da população, sugere-se que a administração municipal tome providências quanto a essa situação, o mais breve possível , contratando novos profissionais médicos para substituir os afastados pelo tempo que for necessário.

Ainda na tribuna, os vereadores Gilson Conte e Deonir Agazzi relataram que buscaram maiores informações sobre o assunto. Conte falou que esteve visitando o Hospital nesta semana e em conversa com o administrador da Unidade Hospitalar, foi repassado que com a falta de profissionais atendendo no Posto o número de consultas tem triplicado. “ Somente num dia essa semana foram atendidas 77 consultas”, informa.

Deonir Agazzi, relatou que teve informações de que a situação tende a melhorar nos próximos dias com o retorno do profissional que se encontra em férias , bem como a contratação de outro profissional, fechando o quadro médico com três profissionais, que é a demanda do município.

 

error while rendering plone.comments